Curso de tortura parental

Hoje subi mais um passo na escala de tortura parental.
E assim cheguei ao ultimo passo, ao topo da escala e ao fim do
curso.
Qual foi o meu momento de gloria?
Ter engasgado no leite que bolsei e deixar-me engasgar sem
respirar por breves segundos.
Qual foi o resultado?
Uma crise de choro e nervos por parte da mãe e o meu pai diz que
ficou com uma pelicula de sour pelo corpo fora.
Este momento foi tão marcante que os meus pais acabaram depois
de longos minutos de sofrimento pós acidente a falar sobre o que
aconteceria se por acaso minha mae parece-se.
E a conversa, resumida, foi mais ou menos esta:

– Tu ficavas-te a casa ia-se a miuda ainda não tá registada o
trabalho que ia ter para ficar com ela.
Tou mesmo a ver eu morar debaixo da ponte e no tribunal
perguntarem:

– Que condiçoes é que tem para dar abrigo a sua filha?

– Olhe tenho optimas condições. O ar é fresco do rio que passa
por baixo da ponte é agradavelmente bem arejado e é só subir o
morro e temos logo transporte.

Sobre alienmind

Um ser de outro mundo
Esta entrada foi publicada em Inês. ligação permanente.

Deixa um comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s